Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

Aperte o play: Paramore

Imagem
Andei um pouco sumida, mas estou aqui para postar uma super dica para essa semana. Na verdade, vou comentar sobre um grupo de rock que tenho gostado bastante de ouvir, não só por causa do estilo musical que, diga-se de passagem, é o meu favorito, mas porque é uma banda de gente jovem, bonita e com músicas muito legais. Não é tão complicado saber de que banda estou falando, ainda mais pelo título desta postagem, pois é, são eles : ParamorePara quem não sabe o Paramore é uma banda estadunidense formada por Haley Willian (vocal e teclado), Josh Farro (guitarra solo e vocal de apoio), Jerimy Davis (baixo), Zac Farro (bateria) e Taylor York (guitarra base) . A banda tem três albúns de estúdio (All We Know is Falling, Riot! e Brand New Eyes), dois albús ao vivo (Live in the Uk 2008 e The Final Riot!) e um Eps (the Summer Tic Ep). Enfim, como não pretendo ficar me alongando na história da banda, falarei especificamente sobre seu último album o Brand New Eyes que, paticularmente, gostei basta…

Quem é você?

Imagem
"...Só você mesmo pode responder

Por traz da aparência onde só Deus vê
Bem no seu íntimo sombrio
Sufocado e trancado a sete chaves
Maquiando o teu vazio


Deus e o travesseiro sabem


Quem é você, quem é você..."
Trazendo a Arca - Quem é você


Antes de mais nada, gostaria de frisar que escutei algumas vezes a canção onde o trecho destacado acima é mencionado e, por incrível que pareça, comecei a refletir comigo mesma_ não que não faça isso sempre, mas, sinceramente, não sou tão dada a reflexões públicas, mas de alguma forma, me senti impelida em escrever alguma coisa sobre meus pensamentos_ e cheguei à conclusão que as pessoas, geralmente, não costumam parar e pensar o que elas realmente são ou o que pensam que são. Às vezes estamos tão acostumados a usar máscaras e encenar papéis que quando a cortina se fecha não sabemos o que fazer, nem como agir. Muitos até poderão achar essas minhas palavras rudes, secas, mas é isso... não sabemos quem somos e por mais que nos esforcemos, talvez nunca…